Coluna: COLUNA DO BARBOSA

Dezembro Verde
18 de Dezembro de 2020 às 09:30
A campanha Dezembro Verde, que visa alertar a população sobre as graves consequências do abandono de animais, além de incentivar a guarda responsável, é o tema da coluna Coisas do Barbosa de hoje.
A campanha Dezembro Verde, que visa alertar a população sobre as graves consequências do abandono de animais, além de incentivar a guarda responsável, é o tema da coluna Coisas do Barbosa de hoje.

Na semana passada, quando eu falei sobre as campanhas coloridas efetuadas no mês de dezembro, esqueci de uma tão importante quanto aquelas que foram abordadas na ocasião. Trata-se da campanha Dezembro Verde, que visa alertar a população sobre as graves consequências do abandono de animais, além de incentivar a guarda responsável dos bichanos, geralmente cães e gatos, que vagam pelas ruas após serem abandonados por seus donos. Essa campanha foi criada pelo protetor de animais Alex Paiva, da cidade de Sobral, no estado do Ceará, juntamente com a ativista Drika Morais, como uma forma de conscientizar as pessoas sobre o abandono de animais, que tem seu pico justamente no último mês do ano.

Quem, em sua casa, não tem um animal de estimação, não é mesmo? O que poucos sabem, entretanto, é que a pessoa que adota um animal desses tem a obrigação moral e legal de cuidá-lo até o fim de sua vida. Não é como um objeto que, se você não quiser mais, basta descartar. Isso é tão grave que a Lei 9.605/98, que trata dos crimes ambientais, determina, no seu artigo 32, a detenção de três meses a um ano e multa a quem praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais. Quando abandonados na via pública, os animais causam contaminações, poluição ambiental e acidentes de trânsito, além de aumentar a incidência de zoonoses entre a população.

Cuidemos de nossos animais, portanto, não apenas para cumprir o que determina a lei, mas também para ficarmos em paz com nossa consciência.

PARA DESCONTRAIR:

NOMES ESQUISITOS

Dois amigos se encontram depois de muito tempo.

- Olá, Osvaldo, soube que você se casou! - comenta o primeiro.

- Já faz bastante tempo! Já tenho duas filhas!

- Que beleza! Como elas se chamam?

- A mais velha chama-se Coristina e a mais nova Novalgina. E você, já tem filhos?

- Tenho uma filha!

- E como ela se chama?

- Maria!

- Maria? Mas isso é nome de bolacha!!!

O MECÂNICO E O MÉDICO

Um mecânico está desmontando o cabeçote de um carro, quando vê na oficina um cirurgião cardiologista muito conhecido, e fala:

- Ô, "dotô"! Posso fazer uma pergunta?

- Claro - responde o médico.

- Dê uma olhada neste motor. Eu abro o coração, tiro válvulas, conserto, ponho de volta e fecho novamente. Quando eu termino, ele volta a trabalhar como novo! Por que eu ganho tão pouco, e o senhor tanto, se o nosso trabalho é quase o mesmo?

O médico responde, tranquilamente:

- Experimente fazer isso com o motor funcionando!


Por Nolfeu Barbosa

Mais artigos de COLUNA DO BARBOSA