Notícias: Geral

Convênio entre a Corsan, URI e Prefeitura deve solucionar problemas de armazenamento de água na barragem

O aumento da capacidade de armazenamento de água bruta na barragem de Santiago possibilitará maior tranquilidade em situações de estiagem prolongada.

28 de Outubro de 2020 às 13:03
Com esta obra, serão aproximadamente 400 mil metros cúbicos de água acrescidos na bacia.
Com esta obra, serão aproximadamente 400 mil metros cúbicos de água acrescidos na bacia.

O aumento da capacidade de armazenamento de água bruta na barragem de Santiago possibilitará maior tranquilidade em situações de estiagem prolongada. Um convênio técnico entre a Corsan, URI e Prefeitura deve solucionar em definitivo os problemas de armazenamento de água na barragem do Pinheiro que abastece a cidade de Santiago.

Como parte das ações para esse propósito, a Corsan improvisou uma barreira com sacos de areia enquanto o projeto não é concluído pela URI para que a obra seja feita de forma definitiva, com concreto. Isto aumentará o vertedouro em 50 centímetros, possibilitando que a barragem abasteça, durante trinta dias além de sua capacidade, todo o sistema de Santiago. São aproximadamente 400 mil metros cúbicos de água acrescidos na bacia.

O superintende regional da Corsan, Maximiliano Moraes, que esteve visitando o local na segunda-feira, 26/10, estima que a ocorrência das próximas chuvas será suficiente para armazenar a água, evitando problemas de abastecimento no próximo verão.

O setor de Engenharia da Corsan analisa outros projetos para melhorias na barragem.

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais Notícias: Geral