Coluna: VARIEDADES

Morre Bob, o gato que se tornou célebre por inspirar uma série de livros
17 de Junho de 2020 às 11:12
Bob, astro felino da série de livros Um Gato de Rua Chamado Bob morreu na última segunda, dia 15 de junho.
Bob, astro felino da série de livros Um Gato de Rua Chamado Bob morreu na última segunda, dia 15 de junho.

Morreu na última segunda-feira, 15 de junho, aos 14 anos, o famoso gato Bob. Ele tornou-se célebre ao inspirar uma série de livros  que contam a sua história ao lado de seu tutor, James Bowen.

Antes de conhecer Bob, James vivia em um abrigo em Londres, enquanto se tratava do vício em drogas. Um dia, encontrou o gato amarelo nas ruas e o levou ao veterinário. Depois disso, o gatinho começou a segui-lo.

A dupla ganhou fama pelas ruas de Londres, e muitos videos surgiram no YouTube. James foi procurado por uma editora para contar sua história com Bob. O livro Um Gato de Rua Chamado Bob vendeu mais de 1 milhão de cópias no Reino Unido e foi traduzido para mais de 30 idiomas. Posteriormente, a história serviu de base para um filme estrelado por Bob como protagonista, em 2016.

Em julho de 2012, a história de Bob e James foi tema de uma reportagem no Jornal Nacional da Rede Globo, com o título "Gato Bob ajuda músico a se livrar das drogas". A matéria pode ser conferida através deste link do Youtube: www.youtube.com/watch

Mais tarde, outros títulos integraram a série, como O Mundo Pelos Olhos de Bob e Bob – Um Gato Fora do Normal. 

Bob estampou revistas e até caixas de cereais

O anúncio da morte de Bob foi feito na página oficial do gato nas redes sociais. “Bob salvou minha vida. É simples assim. Ele me deu muito mais do que companhia. Com ele ao meu lado, encontrei uma direção e um objetivo que estava perdendo. O sucesso que alcançamos juntos por meio de nossos livros e filmes foi milagroso. Ele conheceu milhares de pessoas, tocou milhões de vidas. Nunca houve um gato como ele. E nunca haverá novamente. Sinto que a luz se apagou na minha vida. Eu nunca o esquecerei”, disse Bowen.

*Com informações de R7.com/UOL/Jornal de Brasília

Mais artigos de VARIEDADES