Coluna: @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior

Point pra badalar a cidade!
13 de Julho de 2018 às 14:08
 Espaço é o que não falta. Querida, dá uma conversadinha ao pé do ouvido com a Secretaria de Turismo, de repente o lance pega.
Espaço é o que não falta. Querida, dá uma conversadinha ao pé do ouvido com a Secretaria de Turismo, de repente o lance pega.

Galeríssima do bem, tudo bem? Beeem não tá né, depois do fiasco da desclassificação do Brasil da Copa do Mundo 2018. Na verdade foi um balde de água fria na brasa chamada "torcida brasileira". "Espero que a grande mídia pare de dizer- "a seleção é Neymar e mais dez". Parem com isso. A camisa 09, Gabriel Jesus, centro avante, não fez nenhum golzinho. Tem jogador que tem patrocinador, claro, e, se esse patrocinador é graúdo, tal jogador (zinho) tem que estar em campo.

 

Culpar quem? Escalar quem na seleção? Mandar pendurar a chuteira quem? Pra mim apontar o verdadeiro ou verdadeiros culpados é muito fácil, o papel aceita. O resultado entre Brasil e Bélgica me fez lembrar a Copa em que o argentino Caniggia deixou nosso goleiro caído com o drible e a bola no fundo da rede. Jovens de doze, quinze, anos, ainda não saberão o que é o sabor de um Brasil campeão no futebol. O jargão é o mesmo de sempre como dizem os jogadores: Temos que levantar a cabeça e partir pra outra. Uma coisa eu afirmo: "Fica Tite", ele é o cara, não vejo outro com maior potencial.

Bom, uma pitadinha de cultura faz bem, ah se faz! A propósito uma amiga me acionou no whatsapp, me questionando o que eu acho da ideia de levar shows na Estação do Conhecimento, nossa antiga Estação da Viação Férrea. Raciocinei um pouquinho e respondi: Baita ideia guria! Ali é um ponto aconchegante, um prédio que rejuvenesceria, pois que foi construído lá por 1936. Aliás, recordo de shows que aconteceram no local levando grande público. Espaço é o que não falta. Querida, dá uma conversadinha ao pé do ouvido com a Secretaria de Turismo, de repente o lance pega. Claro que pra estação verão né!

Se eu ainda estivesse labutando na terra dos poetas, eu escolheria também esse point, a Estação do Conhecimento pra fazer tipo, o Verão Vivo, o Curto Circuito, sei lá. Que saudade da gurizada que lotava o centrão da city nessas programações. Meus amigos Nilson Pereira, Julio Barcelos, Julio Cesar Rosa, o Billy que estão no microfone aí, e que tomaram parte nesses eventos, com certeza lembram das tardes quentérrimas ao som das badaladas da world music. Ah, sim, a Ligia Rosso também fazia parte desse elenco. Gente querida, vamos continuar divulgando as atrações do baita chão pra balançar os 2.413 km² da Santiago de todos nós.

Direto da Serra gaúcha, Oliveira Junior.

Mais artigos de @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior