Coluna: @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior

A omissão é punível...
29 de Novembro de 2019 às 09:45
Tô com eles sim, assim como estou com a Segurança Pública.
Tô com eles sim, assim como estou com a Segurança Pública.

Fechando o penúltimo mês do ano 2019, vejo que Santiago está em ótimo astral. Por exemplo, o comércio com o black Friday, ou black novembro está e vai aquecer ainda mais, com ofertas que qualificam a todo mundo se presentear, isso porque as ofertas do velho Noel chegam sempre mais cedo.

Fico aplaudindo à distância o roteiro de shows nos bares e restaurantes da cidade. Primeiramente a gente só ouvia falar em espetáculos no Opinião, Barranco e tal no Portinho de todos nós(POA). Pois hoje em dia, dispensa-se a viagem até a capital pra curtir um show. Claro, a terra dos Poetas caprichou, evoluiu nesse quesito, e a cada final de semana, só se vê casas lotadas, aplaudindo, dançando, enfim, tornando a noite uma criança.

Quero compartilhar com vocês, uma super melhoria que recebeu o Estádio Municipal Homero Soldatelli em Flores da Cunha. Prestigiei a entrega de quarenta e oito cadeiras estofadas, estilo padrão FIFA, doadas pela empresa Caderode do nosso amigo Vandereli Andrea Dondé. Qualquer gremista pode conferir aquelas colocadas na Arena e brevemente no Estádio Beira Rio, assim como também já em mais de 22 estádios pelo Brasil, e na América do Sul. Um show. Fotografamos, entrevistamos, postamos, porque realmente é algo incomum. Já perceberam que gosto só de boas notícias?

Fui convidado e com muita honra deverei estar presente dia 05 dez na capital do nosso estado, numa manifestação dos meus amigos da Brigada Militar aqui de Flores da Cunha, frente ao Palácio Piratini. Gente, não quero nem tocar em partido A ou B, longe disso, não faz parte do meu show como dizia o Cazuza, só que, como não olhar a causa dos professores estaduais e da Segurança Pública?

Me formei professor e não exerço a profissão, mas para a gente chegar ao diploma ou concluir o primeiro, o segundo, ou terceiro grau, todos indistintamente passamos pelas mãos de um professor. Tô com eles sim, assim como estou com a Segurança Pública. Afinal, o que seria de nós sem essas duas classes? Você pode aplaudir, assim como vaiar minhas palavras, mas eu não vou me omitir. Nosso Código Penal diz que a omissão só passa a ser relevante, é crime e consequentemente punível quando a gente podia "devia e podia" agir.

Direto da Serra Gaúcha- Oliveira Junior.  

Mais artigos de @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior